MembrosInícioNovatoRegistrar-seConectar-se
CONHEÇA A FAMÍLIA VONGOLDEN

Compartilhe | .
 

 Aposentos de Lilyan G. Flannagáin

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Lara Turin Lovegood

Pasquim
avatarPasquim


Zodíaco Bruxo : Sereiano
Coração : Heterossexual
Relacionamento : Casado
Idade : 41
Mensagens : 157

Ficha Escolar
Ano Escolar: Concluído
Casa: Ravenclaw
Nível: ★☆☆☆☆

MensagemAssunto: Aposentos de Lilyan G. Flannagáin   Seg 11 Ago 2014 - 17:56


Aposentos de Lilyan G. Flannagáin


{a editar}

w w w . h o g w a r t s . c o m . b r
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lilyan G. Flannagáin

Gryffindor
avatarGryffindor


Zodíaco Bruxo : Sereiano
Coração : Heterossexual
Relacionamento : Gostando
Idade : 18
Mensagens : 30

Ficha Escolar
Ano Escolar: 5º Ano
Casa: Gryffindor
Nível: ★★★☆☆

MensagemAssunto: Re: Aposentos de Lilyan G. Flannagáin   Ter 26 Ago 2014 - 22:08



Passei o dia todo na biblioteca, e ainda estou tentando entender como foi que aquele livro foi cair ali de cima na mesa de vidro no centro da biblioteca, enquanto eu não descubro o verdadeiro motivo, acho melhor ficar quieta no meu cantinho e fingir que nada sei. Ali estava uma ruiva com óculos maior do que o seu rosto,  e equilibrando uma pilha de livros que bamboleava de um lado para o outro, desafiando leis que nem mesmo os melhores físicos conseguiria explicar. Mas eu tinha um objetivo com isso tudo, é claro que medicina avançada tem sido uma das minhas maiores curiosidades, eu não conseguia as informações necessárias com os professores, e o tio Loch parecia muito ocupado. Se eu realmente desejo a vaga de estagiaria no St Mungus, devo fazer por merecer.

Enquanto eu bamboleava pelos corredores, ouvi algo caindo no chão, mas a boa noticia é que não foi um livro, a má noticia infelizmente, é que o objeto em questão era de vidro. Isso não significa necessariamente que eu esbarrei no dito cujo, ninguém tem provas contra mim, minha principal defesa é de que esse castelo é mau assombrado. Logo em frente à porta do meu quarto, me virei de costas a fim de abrir a porta do quarto, porém eu não contava com minha incrível esperteza de ter fechado a porta pela maçaneta, eu tinha duas pernas tremulas, um óculos pendurado pelo meu nariz empinado para o teto, e aqui vamos aos cálculos, duas penas, menos dois braços ocupados, é igual um quadril magrelo tentando girar a maçaneta, por Merlin eu desejava que ninguém decidisse passar pelos corredores __ Vamos portinha__ Me virei e estiquei uma perna até a maçaneta, e olha como eu sou fléxív...__ Oh não!__ Trinquei minha coxa! Nunca mais eu vou sair daqui, nunca vou descobrir o conteúdo do livro de capa musgo, e o pior de tudo... nunca vou beijar Luke Black ou Matthew Potter. A minha vida sempre foi tão maravilhosa para terminar nessa terrível tragédia, serei a nova estatua ruiva dos Targaryen, petrificada com uma perna estendida para lua, segurando vários livros de medicina bruxa, e com o cabelo embaraçado! Por que Merlin? Por que eu não ouvi a minha mãe? Por que não penteei o cabelo antes de estudar? Ela sempre diz “Lilyan, primeiro o cabelo, depois a diversão” Mas não, eu tinha que ser uma vesga teimosa que vai morrer petrificada com o cabel....”nheeee Toc!” __ Han... oi__ Um elfo, um elfo! Abriu a porta e ficou me olhando com uma carinha de piedade que senti dó de mim mesma __ Srta Targaryen, você não comeu nada hoje, sua mãe pediu para lhe trazer alguma coisa, deseja algo em especial?__ Adentrei no meu quarto batendo em tudo que tinha em volta, joguei os livros na cama e me virei rapidamente para falar com o Salud, quando dei de cara no chão __ Ohh Salud, minha mãe é a rainha do drama! Nem estou com fome, tirei o dia para limpar o chão, não ve?__ Esfreguei  o chão com a blusa pelo cotovelo e sorri disfarçando __ Olha só, limpinho__ Tentei me levantar e virei de costas pra ele soltando um quase imperceptível __ Aiii___Respirei fundo enquanto me movimentava em câmera lenta e quando olhai para trás, ali estava Salud me encarando__ Oh, sim... ta, pode me trazer batata frita, pode ser? __ Virei o corpinho dele para a porta e caminhei o arrastando para fora__ Mas é claro que pode ser, batatas são ricas em carboidratos e sua fritura faz muito bem para peles...secas__ Quando finalmente estava com Salud para fora do quarto, dei um passo no corredor olhando se alguém vinha __ Batata frita não alimenta, Senhora Lilyan__ Olhei para o baixinho e pulei no mesmo lugar, batendo o pé com minha birra infantil enquanto resmungava __ Argggh Salud! Coloca ketchup então, pronto! Resolvido__ Bati a porta e me virei dando de cara com o corredor “toc toc” e Salud bate na porta... por que essas coisas só acontecem comigo? Consegui me trancar para fora do meu quarto. Me virei e abri a porta, dando de joelhos com Salud__ Opa Desculpa, só queria ver o Hipogrifo se soltou, estava te protegendo__ Estufei o peito e ajeitei o óculos, fazendo aquela cara de super girl enquanto  entrava e arrastava Salud para fora__ Prontinho, tudo livre, tchau.

Olhei para os meus livros atirados na cama __ Enfim sós__ Abri um largo sorriso de criança feliz com o novo brinquedo, pulei na cama e abri o livro musgo, ele parecia bem antigo com suas páginas amareladas e cheiro de __hummm__ Cheiro de livro usado.  Deitei de forma torta no chão do quarto, ergui as pernas para o alto, apoiando as mesma na parede, ajeitei o óculos novamente e dei início a minha conversa mental com Alphonso Butierre.

 


Voltar ao Topo Ir em baixo
Eilish A. Flannagáin

Auror Comandante
avatarAuror Comandante


Zodíaco Bruxo : Arpéu
Coração : Heterossexual
Relacionamento : Solteiro (a)
Idade : 27
Mensagens : 53

Ficha Escolar
Ano Escolar: Concluído
Casa: Gryffindor
Nível: ★★★☆☆

MensagemAssunto: Re: Aposentos de Lilyan G. Flannagáin   Dom 31 Ago 2014 - 20:40


You knew I were trouble...


Sorri ouvindo uma conversa baixa no fim do corredor, já conseguia imaginar a pequena Lilyan com os braços mais carregados do que conseguia dar conta, ainda mais considerando que ela era pequena e andava com pelo menos uns de livros por vez. Engasguei tentando sufocar o riso ao ver aquela cena.

Lilyan estava com uma perna erguida, os braços sobre carregados de livros, tentando abrir, muito provavelmente a porta, quando um dos elfos veio resgatar-lhe, abrindo a porta do quarto para ela.  Dei alguns passos, em direção ao quarto de Lilyan ouvido ao longe uma conversa envolvendo comida. Suspirei já prevendo a conversa.

A mãe de Lilyan era esperta. Ela e Bridget eram conhecidas por passarem horas ininterruptas na Biblioteca estudando lendo e se divertindo, e esqueciam de comer, dormir, tomar banho, acho que só não paravam de respirar por ser algo automático. Ouvi o elfo discutindo sobre batatas fritas serem ou não comida, aparentemente era só isso que Lilyan comeria.

O elfo já estava deixando o quarto dela quando parei-o e pedi que trouxe alguns pedacinhos de frango grelhado, coca, junto com as batatas. Suspirei, vendo a porta fechada, muito provavelmente ela a fechara para que o pobre Salud não entrasse, dei risada, abrindo a porta ao poucos, esgueirando-me por ela, vendo a ruivinha, com as pernas para o ar, lendo um livro, tão concentrada que sequer notou minha presença.

Olhei a volta, não havia uma lareira para acender, infelizmente, adoraria assustá-la. Concentrei-me fazendo toda minha energia fluir para a palma da minha mão, onde surgiu uma modesta bolinha de fogo, fiz a mesma flutuar até Lilyan, vi a mesma piscar e se encolher e esconder os livros dei risada apagando a chama.

~Acho que a sua vida é um pouquinho mais importantes que esses livros, não? – perguntei, sentando-me na beira da cama, ao lado dela sorrindo, colocando o cabelo dela atrás da orelha. – Lilyan... Você devia prender o cabelo, pra não te atrapalhar a ler! – disse rindo. – Então qual o livro da vez?
...So shame on you now


Esse é meu post de número {03}. O tempo está {claro}, e estou usando {isso}, estou falando com {Lilyan}. Estou postando {Quarto de Lilyan}. E agradeço a Lari ❥ por esse template.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Lilyan G. Flannagáin

Gryffindor
avatarGryffindor


Zodíaco Bruxo : Sereiano
Coração : Heterossexual
Relacionamento : Gostando
Idade : 18
Mensagens : 30

Ficha Escolar
Ano Escolar: 5º Ano
Casa: Gryffindor
Nível: ★★★☆☆

MensagemAssunto: Re: Aposentos de Lilyan G. Flannagáin   Seg 20 Out 2014 - 21:04



Era engraçado como a magia trabalhava com o corpo Humano, engraçado e interessante, não muito diferente do que os remédios dos trouxas, porém com uma certa perfeição que me deixava de cabelos em pé. Não consegui passar para a segunda página e já ouvi a porta abrir __ Que rápido, Salud...__ O Elfinho permaneceu em silencio e continuei enquanto folheava as páginas __ Também não precisa ficar bravo comigo, eu só não estou afim de comida hoje... Reli... relidor? Relidor!__ Proferi baixinho ao final da frase, treinando o feitiço novo que aprendi no livro. Eu estava muito concentrada, até que um meteoro me atacou...ok, não era um meteoro, era apenas uma bola de fogo, e ta ta... ela não me atacou. Dei um pulo e fechei o livro rapidamente, o abraçando como se fosse meu preciso, até ouvir a voz da minha querida __ Dinda!__Pulei na cama e sorri lhe tascando um beijo na bochecha.

__ Na verdade, esse é o cara__ Cutuquei o livre com firmeza__ Esse cara dedicou toda a sua vida para a ciência da magia curativa, como vou ter vida desse jeito? Seria injusto com Buttierre!__ Me empolguei tanto que já estava pulando na cama. Salud entrou com uma bandeja de frango com batata frita e um copão de Coca cola, logo notei a cara de satisfação da Lish, e não protestei quanto a mudança do meu cardápio. Salude saiu e estendi a mão para a porta __ Sim salabim!__ Fiz uma careta insatisfeita e levantei em silencio, parei no meio do caminho e novamente fiz uma gracinha para a porta __ Fechatecezamo!__ Fiz a maior força e comecei a me contorcer, ate que uma brisa circulou pelo meu braço e empurrou a porta de leve, sem nem chegar perto de fecha-la, ergui uma sobrancelha me sentindo frustrada, e apontei a varinha discretamente para a porta "Ventus". Rapidamente a porta bateu com a força do vento que saiu de minha varinha, estufei o peito e voltei limpando as mãos, sorridente __ Oh como eu sou forte! __ Sorri orgulhosa e voltei para a cama, preciso treinar um pouco mais minha habilidade, dessa forma nem um sopro vai me respeitar.

Me joguei deitada de bruços e peguei um frango com a mão, comecei a devora-lo enquanto falava__ Pega um frango ai, é de graça... Como eu dizia, o livro é sobre medicina bruxa, estou pensando seriamente em tentar uma vaga de estagiária no St. Mungus, quando as aulas voltarem, seguir a carreira do tio Loch__ Joguei o osso no canto do prato e comecei a chupar os dedos enquanto balançava a perna para o alto__ Mas e você, Dinda... Como está lá com os Aurores bonitões? Pegou um Come sal? Pegou um Auror gatinho?


Voltar ao Topo Ir em baixo
Eilish A. Flannagáin

Auror Comandante
avatarAuror Comandante


Zodíaco Bruxo : Arpéu
Coração : Heterossexual
Relacionamento : Solteiro (a)
Idade : 27
Mensagens : 53

Ficha Escolar
Ano Escolar: Concluído
Casa: Gryffindor
Nível: ★★★☆☆

MensagemAssunto: Re: Aposentos de Lilyan G. Flannagáin   Seg 20 Out 2014 - 22:36


You knew I were trouble...


Tive que segurar a risada quando ela me confundiu com Salud, isso é claro se deu pelo fato de que minha afilhada pentelha não se deu ao trabalho de levantar o rosto, suspirei, Lilyan era tão desligada... Vivia enfiada nas páginas dos livros que ela tanto amava, era bem difícil tira-la de lá.

Felizmente, ou talvez não, fogo e livros não combinavam muito, então assim que ela viu a esfera de fogo se aproximar, ela pulou com o livro, parecendo que estava prestes a morrer queimada. Suspirei do reflexo dela, mas é claro que ela tinha uma resposta, sempre tão esperta, ri dela.

Abracei aquela coisa magrela e respondona, Lilyan parecia ter crescido mais, Merlin, logo esses pirralhos estariam lá fora, correndo riscos. – Oi Baixinha! – disse brincando. ~Eu duvido seriamente que com você e a Brigdet morando sob o mesmo teto, não existam dois exemplares do livro. – disse rindo, mas levantei as mãos em rendição antes que ela entendesse errado. – Mas entendo a sua paixão. – disse rindo.

Logo ela estava pulando e me explicando empolgada sobre o livro e como ele falava de medicina bruxa, e como o escritor era apaixonado pelo que fazia. Sorri, embora não tivesse entendido quase nada do que ela via de tão divertido, concordei com a cabeça. – Parece um livro bem interessante... – disse sorrindo.  Tão logo ia perguntar a mesma se ela tinha interesse em seguir a carreira médica, Salud entrou pela porta carregando os lanchinhos, pondo os mesmos em uma mesinha, antes de fazer uma reverência e sair. Sorri percebendo que Lilyan não contrariou com a mudança de cardápio.

Percebi os olhos de Lilyan focarem em algo as minhas costas, virei-me, encontrando a porta aberta. Ergui uma sobrancelha, vendo a menina estender a mão para porta, recitando um ‘encatamento’ do ponto de vista trouxa, e... Bem a porta não se mexeu. Não que isso houvesse desanimado Lilyan, ela simplesmente se levantou e foi até a metade do caminho e recitou outro encantamento trouxa, por um minuto nada aconteceu, até que a porta se mexeu, movendo-se talvez uns cinco centímetros.

Para o começo era algo impressionante, ia falar isso para ela, quando, com o corpo torto e a mão mais perto do corpo, ela fez uma rajada de vento bastante poderosa, fazendo com que a porta batesse. Dei risada do comentário dela. – Realmente! Eu não gostaria de te enfrentar em um duelo… Porque você não usa o vento para abrir a porta agora? – disse sorrindo pegando um frango. – De preferencia sem desgrudar a porta do batente... – comentei como quem não quer nada.

Escutei a tagarelando sobre o Mungus e talvez fazer estágio lá quando o ano começasse... Pera, estágio? Essa menina tem idade pra isso?! Comecei a fazer as contas e... MERLIN! Como ela ficou tão velha?  Quando ela foi pro quinto ano?! Assim não dava para acompanhar. – Medibruxa? Quer saber... Acho que combina com você! – disse sincera, é conseguia vê-la trabalhando no hospital, era bem melhor do que me preocupar com ela em batalha. – Vai querer trabalhar com animais, como o tio Loch? – perguntei interessada. Ergui uma sobrancelha com pergunta dela sobre os Aurores... Que safadinha! Suspirei. – Posso saber de onde você tirou que meus Aurores são bonitões? – perguntei rindo. – Bem, mas respondendo a sua pergunta, não, não peguei nenhum dos meus Aurores bonitões, embora tenha achado uma versão mais velha do Seath... Não ruiva, mas ainda sim é ele. – disse rindo, lembrando das encrencas que Ares se metia. – Mas, e isso não sai daqui, para ninguém te fazer mal, sim, prendi um Comensal... Embora ele não pareça lá muito inteligente... – disse fazendo uma careta. – E os meninos escola, já conseguiu conquistar aquele Mark, Matt que você tanto fala? – perguntei brincando com uma chama fina, trançando em meus dedos.
...So shame on you now


Esse é meu post de número {03}. O tempo está {claro}, e estou usando {isso}, estou falando com {Lilyan}. Estou postando {Quarto de Lilyan}. E agradeço a Lari ❥ por esse template.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado





MensagemAssunto: Re: Aposentos de Lilyan G. Flannagáin   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Aposentos de Lilyan G. Flannagáin

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

 Tópicos similares

-
» Aposentos de Herbologia
» Aposentos do Substituto
» Aposentos do Lider do Dormitório da Lua ~ Kuran Loran

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Hogs :: Castelo :: Primeiro Andar-